Crítica: Wish - O Poder dos Desejos



 
Os créditos finais de Wish: O Poder dos Desejos denuncia o contexto da mais recente produção animada dos estúdios Disney: o longa é uma encomenda comemorativa pelos 100 anos da companhia do Mickey Mouse. Enquanto os nomes dos envolvidos passam na tela, são exibidos personagens que formaram o catálogo do estúdio na ordem cronológica do lançamento dos seus respectivos filmes. Além dessa afetuosa inserção ao legado do estúdio, ao longo da história, o espectador reconhecerá referências a filmes como Peter Pan, A Pequena Sereia e Cinderela e, claro, a maior delas é um dos seus personagens principais da história, uma simpática estrela dos desejos. A estrela dos desejos de Wish  unifica os contos de fadas que formaram a filmografia da Disney a partir dos seus principais elementos: a magia, o encantamento, os sonhos. 

Wish: O Poder dos Desejos conta a história de um reino governado por Magnífico, um mago ditador que controla o destino de toda a população local ao aprisionar seus desejos. Quando a verdadeira natureza do governante é descoberta por uma jovem que se frustra ao constatar que o sonho do seu avô jamais poderá ser realizado, os dias de reinado do mago passam a ser ameaçados, sobretudo porque ela contará com a ajuda de uma estrela dos desejos.  


No intuito de fazer de Wish: O Poder dos Desejos uma homenagem a sua própria trajetória, a Disney não consegue dar qualquer senso de originalidade e profundidade ao filme. Wish soa como um filme banal, com trama protocolar e personagens pouco carismáticos que mais parecem rascunhos do passado do estúdio. Há no filme um esforço bem tímido de unificar a filmografia da Disney com motes e ideias que seriam a gênese ou assinatura do estúdio, mas é tudo muito discreto e esse conceito jamais atinge a sua potencialidade de fato. 

Para além do caráter simbólico da representação do legado de 100 anos da Disney, o ponto "fora da curva" que faz Wish ganhar algum senso de relevância na história recente do estúdio é a estética da animação. Wish faz uma interessante união entre animação 2D e 3D com traços originais que a distinguem da própria assinatura visual do estúdio, que tende para uma homogeneidade em suas diferentes eras. Aqui, de fato, são empregadas cores e formas que singularizam o trabalho dos animadores e dão personalidade ao projeto.  


No mais, é uma pena que algumas ideias ensaiadas em Wish: O Poder dos Desejos, sobretudo esse mote de unificar o legado da Disney em um pretenso "universo compartilhado", jamais ganhe qualquer impulso na tela. Pela primeira vez em anos, vemos uma protagonista cuja história não consegue  envolver e consequentemente não nos faz torcer pelo seu êxito, um vilão sem carisma e números musicais que não fazem a gente sair da sessão com suas canções reverberando em nossa memória. É um pouco embaraçoso que justamente a animação que serve para celebrar o legado Disney seja um dos seus projetos mais esquecíveis.  


Avaliação


Título original: Wish
Ano: 2023
Duração: 95 minutos
Nos cinemas
Direção: Chris Buck e Fawn Veerasunthorn
Roteiro: Chris Buck, Jennifer Lee e Allison Moore
Elenco: Ariana DeBose, Chris Pine, Alan Tudyk, Angelique Cabral, Victor Garber, Natasha Rothwell, Jennifer Kumiyama, Harvey Guillen, Niko Vargas. 


Assista ao trailer:


COMENTÁRIOS

Nome

Agenda,14,Checklist,11,Cinco Atos,1,Crítica,315,DVD & Blu-Ray,6,É Tudo Verdade,3,Editorial,2,Ensaios e Artigos,19,Entrevista,2,Extras,9,Listão,34,Matéria Especial,28,Mostra SP,6,Notícias,39,Podcast,3,Prévia,77,Radar Crítico,20,Recomendações,102,Resenhas,254,Rewind,15,TV & Streaming,80,Vídeo,10,Vilões que Amamos Odiar,1,
ltr
item
Chovendo Sapos: Crítica: Wish - O Poder dos Desejos
Crítica: Wish - O Poder dos Desejos
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEinEUrTSxkvlbeUq59Vo6xVMwMIV3K1AZ6zY_Ap9Ef6xHvJhPZbUSNwgnogKACQxpdt1koQQs6A4_RGGyOqmWSXdLNhTdOqqzmmF8bGm53qEEJcFkJipelTZv2JQVKGOlLiNzou-H9JFHAk4-Row5uXrdOE2jF_jegHSPHrR3bftrp_7VI0KE8KbJ_36g-f/s16000/wish%20disney.jpg
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEinEUrTSxkvlbeUq59Vo6xVMwMIV3K1AZ6zY_Ap9Ef6xHvJhPZbUSNwgnogKACQxpdt1koQQs6A4_RGGyOqmWSXdLNhTdOqqzmmF8bGm53qEEJcFkJipelTZv2JQVKGOlLiNzou-H9JFHAk4-Row5uXrdOE2jF_jegHSPHrR3bftrp_7VI0KE8KbJ_36g-f/s72-c/wish%20disney.jpg
Chovendo Sapos
http://www.chovendosapos.com.br/2024/01/critica-wish-o-poder-dos-desejos.html
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/2024/01/critica-wish-o-poder-dos-desejos.html
true
3477978344278040615
UTF-8
Posts carregados Nada encontrado! VEJA MAIS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTS Ver todos RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS POSTS Nada encontrado VOLTAR Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESSE CONTEÚDO É PREMIUM Por favor, compartilhe para liberar! Copie todo o código Selecione todo código Todos os códigos foram copiados Não foi possível copiar o código