Crítica: A Sindicalista

 

Depois de terem colaborado com A Dona do Barato, o diretor Jean-Paul Salomé e a atriz Isabelle Huppert se reencontram no thriller A Sindicalista, que integrou a seleção oficial do Festival de Cannes em 2022. O saldo da segunda parceria do diretor com a atriz é dos melhores, resultando em um filme que sustenta muito bem uma atmosfera conspiratória no ambiente corporativo e político ao mesmo tempo que mergulha nos meandros psicológicos da sua protagonista, vítima de uma violência indefensável ao longo da trama. 

A Sindicalista é baseado no livro de mesmo título escrito pela jornalista Caroline Michel-Aguirre e conta a história de Maureen Keaney, uma representante sindical que mediava os interesses dos trabalhadores de uma usina nuclear chamada Areva com os seus chefes. Após receber denúncias anônimas de que a nova diretoria da Areva pretendia estabelecer parceria com a China a fim de construir usinas de baixo custo, Maureen é perseguida e é encontrada em casa amordaçada após ser vítima de um estupro. Conforme a investigação do caso de Maureen tem andamento e algumas pistas soltas vêm à tona, a versão da protagonista é descredibilizada pela polícia e de vítima ela passa a ser suspeita e ter sua reputação manchada pela opinião pública.


A condução de Salomé para A Sindicalista é das melhores. O diretor se apropria muito bem do gênero, evitando chavões, mas também sabe construir todo o ambiente persecutório de perigo iminente que toma conta da vida da sua protagonista. Salomé tem um olhar muito objetivo para a história, captando todo o ambiente hostil e mesquinho dos gabinentes que Maureen transita, especialmente quando eles são tomados por homens extremamente misóginos. Ao mesmo tempo, em meio a essas tensões de gabinetes, o diretor não é necessariamente frio ou indiferente aos sentimentos, sobretudo da sua protagonista quando o longa retrata sua seara particular, suas relações familiares e afetivas e como ela lida com os traumas psicológicos da violência da qual é vítima. 

Isabelle Huppert tem um ótimo desempenho nesse filme transitando com habilidade ímpar por todas as fases da sua personagem. Se no início somos apresentados a uma Maureen aguerrida, convicta e eficiente no cargo que ocupa, conforme a história vai ganhando peso e trazendo consequências pessoais para a personagem, Huppert consegue expor outras camadas dessa mulher, ganhando ainda mais humanidade na tela. Maureen atravessa todos os estágios pós-traumáticos do ato que sofreu - dúvida, culpa e, no fim, a força para se reerguer e lutar por uma sentença justa para seu caso - e Huppert consegue trazer isso em cena de maneira inteligente e sensível, sem afetações cênicas.

Em um filme como A Sindicalista, é revoltante constatar como o mundo corporativo parece blindado a qualquer tipo de confronto que seja capaz de desestabilizá-lo e como o elo fraco ainda é representado pelos indivíduos. Jean-Paul Salomé faz um filme extremamente comprometido em expor ranhuras sociais dos nossos tempos (corrupção, machismo etc.), dimensionando-as em um nível macro, social, e micro, os danos pessoais que o caso apresentado no longa trouxe para sua protagonista.  


Avaliação:



Título original: La Syndicaliste
Ano: 2022
Duração: 121 minutos
Nos cinemas
Direção: Jean-Paul Salomé
Roteiro: Jean-Paul Salomé e Fadette Drouard
Elenco: Isabelle Huppert, Grégory Gadebois, François-Xavier Demaison, Pierre Deladonchamps, Alexandra Maria Lara, Gilles Cohen, Marina Fois, Yvan Atal, Aloise Sauvage, Mara Taquin.


Assista ao trailer:









COMENTÁRIOS

Nome

Agenda,14,Checklist,11,Cinco Atos,1,Crítica,315,DVD & Blu-Ray,6,É Tudo Verdade,3,Editorial,2,Ensaios e Artigos,19,Entrevista,2,Extras,9,Listão,34,Matéria Especial,28,Mostra SP,6,Notícias,39,Podcast,3,Prévia,77,Radar Crítico,20,Recomendações,102,Resenhas,255,Rewind,15,TV & Streaming,80,Vídeo,10,Vilões que Amamos Odiar,1,
ltr
item
Chovendo Sapos: Crítica: A Sindicalista
Crítica: A Sindicalista
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEgxI0W8QkTinwkEFO59rnWMewgb29N5kjMi1ZoBqtHOe5E-I6xFk6bWhSCPs_zE6HsjbtCBpVddFDqH-bAzDyrgEiiFaLhyo7IZMFttBpLkwXKpx9ll9_W7D53cs--LsPVI1-gmXocqnpwHL1pvoO9aePdIJPNrC4BAk1IBdnaqHY0qg2qUwKDV2ODsVJZv/s16000/A%20Sindicalista.jpg
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEgxI0W8QkTinwkEFO59rnWMewgb29N5kjMi1ZoBqtHOe5E-I6xFk6bWhSCPs_zE6HsjbtCBpVddFDqH-bAzDyrgEiiFaLhyo7IZMFttBpLkwXKpx9ll9_W7D53cs--LsPVI1-gmXocqnpwHL1pvoO9aePdIJPNrC4BAk1IBdnaqHY0qg2qUwKDV2ODsVJZv/s72-c/A%20Sindicalista.jpg
Chovendo Sapos
http://www.chovendosapos.com.br/2023/06/critica-sindicalista.html
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/2023/06/critica-sindicalista.html
true
3477978344278040615
UTF-8
Posts carregados Nada encontrado! VEJA MAIS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTS Ver todos RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS POSTS Nada encontrado VOLTAR Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESSE CONTEÚDO É PREMIUM Por favor, compartilhe para liberar! Copie todo o código Selecione todo código Todos os códigos foram copiados Não foi possível copiar o código