Crítica: O Livro dos Prazeres



Inventário de desejos

Protagonizado por Simone Spoladore, adaptação de Clarice Lispector mergulha fundo na rede de anseios femininos. 



A prosa de Clarice Lispector é um desafio para qualquer cineasta que se arrisca adaptá-la para as telas. A autora possui obras de um existencialismo intenso que demandam habilidade na conversão para mídias audiovisuais. A diretora e roteirista Marcela Lordy mergulha nessa corajosa empreitada e é muito bem-sucedida com a versão para as telas de Uma Aprendizagem ou O Livro dos Prazeres, que na versão cinematográfica ganha o título de O Livro dos Prazeres apenas. 

Com o roteiro escrito em co-autoria com Josefina Trotta, mexendo na medida do necessário na obra original de Lispector, afinal estamos falando de um romance que por mais transgressor que fosse na sua época foi pensado há mais de 50 anos atrás, O Livro dos Prazeres traz a história de Lóri, personagem assumida pela sempre interessante Simone Spoladore, para os nossos tempos. No longa, Lóri é uma professora infantil que se apaixona por um professor universitário de Filosofia, papel do argentino Javier Drolas, mas esbarra na sua própria dificuldade de se entregar a uma relação mais duradoura e íntima.


O Livro dos Prazeres de Marcela Lordy não tem pudores ao abordar de forma extremamente franca a sexualidade feminina. Tampouco de explorar a realização amorosa como uma possibilidade legítima para uma personagem tão transgressora e independente. Lóri opta por preencher sua vida com relações sexuais sem compromisso com desconhecidos e quando não encontra um parceiro, não tem pudores em recorrer à masturbação. Tudo isso é abordado sem condenações pela obra e vivenciado em plenitude pela protagonista. Acontece que a Lóri de O Livro dos Prazeres começa a passar por uma profunda crise existencial, se dando conta de que, naquele estágio da sua vida, isso talvez já não lhe satisfaça por completo ou que talvez precise de um novo componente para que a sua vida sexual volte a fazer sentido. A descoberta do amor de Ulisses acaba sendo um ponto desestabilizador para Lóri. 

Marcela Lordy tem uma sensibilidade ímpar para captar a densidade da turbulência de pensamentos e sentimentos que tomam conta da sua protagonista, algo que poderia ser difícil de transpor para as telas. A diretora consegue isso sobretudo por valorizar os recursos dramáticos de sua protagonista, a atriz Simone Spoladore. Como Lóri, Spoladore interpreta uma mulher esquiva, que não gosta de aprofundar suas relações, parecendo estar sempre ausente nos ambientes e nas interações. É interessante que mesmo que Spoladore traga de maneira tão sobressalente esses traços da personagem, em momento algum ela afasta o público da protagonista de O Livro dos Prazeres, a atriz evita torná-la fria a ponto do espectador não conseguir se conectar com Lóri. Fica evidente desde o princípio que apesar de Lóri ser uma personagem tão transgressora, ela é marcada por diversos medos, sobretudo o de se machucar ao se entregar afetivamente, ainda mais que do outro lado da relação está um homem - e, bem, a história da humanidade depõe muito contra esse tipo de indivíduo.

Em tempos de soft porns que preenchem o tempo de um longa-metragem com um amontoado de cenas de sexo sem vida, O Livro dos Prazeres resolve muito bem esse pudor do cinema com a sexualidade das personagens ao conciliar o afetivo e o carnal no terceiro ato da jornada de Lóri. E mesmo antes dessa catarse final, quando vemos uma protagonista feminina se apresentar na tela para o público através da sua sexualidade com uma economia sensível de diálogos, o longa subverte uma lógica longeva nas narrativas audiovisuais de anular os desejos carnais de mulheres quando toda a história deve conduzir à realização amorosa, assim aprendemos que funciona uma comédia romântica, por exemplo. Amor e sexo parecem não se conciliar na nossa criação ocidental cristã, o cinema, como outros produtos culturais foi reflexo dessa mentalidade por anos. O Livro dos Prazeres desconstrói todos esses paradigmas ao mergulhar com propriedade na complexa teia de anseios da sua protagonista, alguém que, no final das contas, para ser quem se é, não anula seus prazeres ou seus afetos, mas os concilia.  


Avaliação


Título original: O Livro dos Prazeres
Ano: 2022
Duração: 99 minutos
Nos cinemas
Direção: Marcela Lordy
Roteiro: Marcela Lordy e Josefina Trotta
Elenco: Simone Spoladore, Javier Drolas, Felipe Rocha, Gabriel Stauffer, Martha Nowill, Teo Almeida, Leandra Leal.  

Assista ao trailer:


COMENTÁRIOS

Nome

Agenda,14,Checklist,11,Cinco Atos,1,Crítica,315,DVD & Blu-Ray,6,É Tudo Verdade,3,Editorial,2,Ensaios e Artigos,19,Entrevista,2,Extras,9,Listão,34,Matéria Especial,28,Mostra SP,6,Notícias,39,Podcast,3,Prévia,77,Radar Crítico,20,Recomendações,107,Resenhas,276,Rewind,15,TV & Streaming,80,Vídeo,10,Vilões que Amamos Odiar,1,
ltr
item
Chovendo Sapos: Crítica: O Livro dos Prazeres
Crítica: O Livro dos Prazeres
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEgUYS9_7y5IpA0oAwgv82VVWyF-ZuuOYAIyDYyDVd6MPFXnry5q1n3AJlbB2F9flrkIfV7y7fTKqIFvyVMeeDcVYyfkIJUDaX0Ws5ggzlOxHPjMXKLaUqeu6IqDbxrP5PW3X14YR1mU9jXnYPJK4KENB04MWvZVQFlUqItRy818gUZJYXgOqFJIffdXVg/s16000/o-livro-dos-prazeres2.jpg
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEgUYS9_7y5IpA0oAwgv82VVWyF-ZuuOYAIyDYyDVd6MPFXnry5q1n3AJlbB2F9flrkIfV7y7fTKqIFvyVMeeDcVYyfkIJUDaX0Ws5ggzlOxHPjMXKLaUqeu6IqDbxrP5PW3X14YR1mU9jXnYPJK4KENB04MWvZVQFlUqItRy818gUZJYXgOqFJIffdXVg/s72-c/o-livro-dos-prazeres2.jpg
Chovendo Sapos
http://www.chovendosapos.com.br/2022/09/critica-o-livro-dos-prazeres.html
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/2022/09/critica-o-livro-dos-prazeres.html
true
3477978344278040615
UTF-8
Posts carregados Nada encontrado! VEJA MAIS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTS Ver todos RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS POSTS Nada encontrado VOLTAR Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESSE CONTEÚDO É PREMIUM Por favor, compartilhe para liberar! Copie todo o código Selecione todo código Todos os códigos foram copiados Não foi possível copiar o código