'Harriet' conta trajetória inspiracional de líder abolicionista


Revisitando fatos recentes na história americana, Harriet é um drama biográfico que conta brevemente a trajetória da abolicionista e ativista Harriet Tubman, uma ex-escrava que no período de efervescência para a Guerra Civil foi responsável pela libertação de muitos escravos em missões de resgate. O filme rendeu a Cynthia Erivo uma dupla indicação na mais recente edição do Oscar, melhor atriz e melhor canção original, já que a mesma é compositora de "Stand Up", música que surge nos créditos e compõe a trilha da produção. 

Ao render a Erivo a única menção a um artista negro nas categorias de atuação dessa edição do prêmio, Harriet levantou o debate de que, mais uma vez, um título que dá visibilidade a esse grupo social é um drama histórico sobre a escravidão, algo que não foge muito dos momentos em que atores negros tiveram os holofotes na história de Hollywood. Isso é bem verdade, Harriet repete estereótipos, conta uma passagem triste na história americana e que, diga-se de passagem, deve ser sempre relembrada para que momentos semelhantes não ocorram novamente, mas reforça o tipo de narrativa sobre negros que sempre teve caminho aberto em instâncias de consagração como a Academia. 


Todavia, o filme de Kasi Lemmons acaba se tornando uma ode aos atos de uma heroína inspiradora. O roteiro de Terence Blanchard pesa a mão em alguns clichês, sobretudo na construção dos seus diálogos, mas o mote da produção é inegavelmente inspiracional e conta da maneira mais convencional possível a história de Tubman e sua jornada de transformação até chegar a ser uma importante ativista do movimento abolicionista. 

Harriet tem ainda o benefício de ter Cynthia Erivo vivendo sua protagonista. Erivo é muito mais conhecida dos palcos, tendo vencido o Tony Awards, consagração máxima do teatro americano, por interpretar a Celie da montagem de 2016 de A Cor Púrpura, mas gradualmente tem tomado seu espaço no cinema. A atriz esteve em As Viúvas ao lado de Viola Davis, teve um momento esplendoroso em Maus Momentos no Hotel Royale (até a elegemos como melhor atriz coadjuvante do ano passado por esse desempenho em nosso tradicional Listão de melhores do ano) e aqui assume um protagonismo inquestionável ao salvar um filme que, por vezes, cai em lugares comuns do seu gênero. Erivo consegue delinear muito bem as fases do arco dramático de sua protagonista, conferindo a mesma uma gradual força e segurança no enfrentamento da sua própria causa. 

Na história do Oscar, a lembrança isolada de Harriet com tantos trabalhos memoráveis de atrizes negras em personagens diferentes como Lupita Nyong'o em Nós, Alfre Woodard em Clemency e Jodie Turner-Smith em Queen and Slim é indicativo de que há ainda muito o que ser feito para mudar os olhares de votantes apesar de avanços isolados. Contudo, Harriet também traz a importância da história de Harriet Tubman ser registrada e celebrada, colocando sua personagem como um importante modelo inspiracional. Da maneira mais tradicional possível, Lemmons faz isso e conta com a força inquestionável de Cynthia Erivo na tela para fazer esse sentimento ressoar com ainda mais força destacando o filme como uma representação de um momento doloroso da história da humanidade que merece ser lembrado sempre para que jamais possamos permitir que deixemos a humanidade ceder para a barbárie.  



Harriet, 2020. Dir.: Kasi Lemmons. Roteiro: Kasi Lemmons e Gregory Allen Howard. Elenco: Cynthia Erivo, Janelle Monáe, Leslie Odom Jr., Joe Alwyn, Clarke Peters, Vanessa Bell Calloway, Omar J. Dorsey, Henry Hunter Hall, Tim Guinee, Nick Basta. Disponível no Net Now e na HBO GO, 125 min. 

Assista ao trailer: 




COMENTÁRIOS

Nome

Agenda,14,Checklist,11,Cinco Atos,2,Crítica,313,DVD & Blu-Ray,6,Editorial,2,Ensaios e Artigos,9,Entrevista,2,Extras,9,Listão,26,Matéria Especial,26,Notícias,39,Podcast,3,Prévia,77,Radar Crítico,20,Recomendações,25,Resenhas,81,Rewind,15,TV & Streaming,80,Vídeo,8,Vilões que Amamos Odiar,1,
ltr
item
Chovendo Sapos: 'Harriet' conta trajetória inspiracional de líder abolicionista
'Harriet' conta trajetória inspiracional de líder abolicionista
https://1.bp.blogspot.com/-dCJ1Repf2Sw/Xsvp3i5sH0I/AAAAAAAAdzs/Au8b0mZ7tDIZKsPkNr4GCNekytT-h7mdwCLcBGAsYHQ/s400/Harriet.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-dCJ1Repf2Sw/Xsvp3i5sH0I/AAAAAAAAdzs/Au8b0mZ7tDIZKsPkNr4GCNekytT-h7mdwCLcBGAsYHQ/s72-c/Harriet.jpg
Chovendo Sapos
http://www.chovendosapos.com.br/2020/05/harriet-cynthia-erivo.html
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/2020/05/harriet-cynthia-erivo.html
true
3477978344278040615
UTF-8
Posts carregados Nada encontrado! VEJA MAIS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTS Ver todos RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS POSTS Nada encontrado VOLTAR Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESSE CONTEÚDO É PREMIUM Por favor, compartilhe para liberar! Copie todo o código Selecione todo código Todos os códigos foram copiados Não foi possível copiar o código