'Sergio' romantiza biografia do diplomata brasileiro morto em 2003


Falecido em 2003 após um atentado em Bagdá contra uma sede da ONU, o diplomata brasileiro Sérgio Vieira de Mello ganha a sua primeira cinebiografia dezessete anos depois do seu óbito. Sergio faz um recorte da personalidade, da contribuição profissional e da vida pessoal de Mello sendo uma produção estadunidense da Netflix dirigida por Greg Barker, que em 2009 foi responsável por um documentário homônimo sobre a vida do diplomata. 

Na produção, Sérgio ganha o rosto de Wagner Moura, que, antecipo, é um dos maiores ganhos da produção. Moura consegue trazer credibilidade ao filme na medida em que consegue dimensionar o romantismo de Mello com o poder da diplomacia na resolução dos conflitos e sua angústia com as expectativas frustradas diante de tantos jogos políticos que interferem na atuação da ONU. 


É uma pena que o ator esteja em um projeto não tão exitoso assim. Sergio até possui algumas decisões interessantes, como o fato de narrar a vida do seu biografado de maneira não linear, como se cada episódio contado representasse um tópico da personalidade de Mello. Acontece que absolutamente tudo é soterrado por outras tantas decisões de resultado duvidoso. 

O roteiro de Sergio é composto por um amontoado de diálogos clichês, como a reiterativa lembrança de um dos personagens do longa a Sergio de que nenhuma das cidades visitadas pelo diplomata é uma "Saint Tropez da vida", tudo para antecipar ao espectador as dificuldades que certamente o diplomata encontrará em regiões do Iraque e do Timor-Leste. O longa também perde o fio da meada quando transforma a relação de Mello com a namorada Carolina Larriera em um amontoado de cenas românticas que parecem saídas de um romance barato, o que inclui uma expositiva e deslocada cena de sexo entre Moura e a atriz Ana de Armas. 

Sergio também acaba sendo redundante nos temas que propõe. O filme demonstra o ímpeto diplomático do seu protagonista em contraposição a uma realidade cada vez mais belicosa, mas não consegue ser muito claro ou enfático no seu discurso sobre o tema que propõe e acaba saindo pela tangente, preferindo o conforto da reverência e simpatia pela figura de Mello. Nesse sentido, Sergio não mede esforços na pasteurização de qualquer episódio da biografia de Mello tornando-a artificial em sua unidimensionalidade e romantismo. É um filme que se aproxima mais da personificação heróica de um personagem construído em um imaginário midiático póstumo do que de fato do relato fiel e complexo da personalidade do seu biografado. 


Sergio, 2020. Dir. Greg Barker. Roteiro: Greg Barker. Elenco: Wagner Moura, Ana de Armas, Brían F. O'Byrne, Bradley Whitford, Garret Dillahunt, Clemens Schick, Will Dalton, Pedro Hossi, Clarisse Abujamra, Eduardo Melo, João Barreto. Disponível na Netflix, 118 min. 

Assista ao trailer: 


COMENTÁRIOS

Nome

Agenda,14,Checklist,11,Cinco Atos,2,Crítica,313,DVD & Blu-Ray,6,Editorial,2,Ensaios e Artigos,8,Entrevista,2,Extras,9,Listão,26,Matéria Especial,26,Notícias,39,Podcast,2,Prévia,77,Radar Crítico,20,Recomendações,22,Resenhas,75,Rewind,15,TV & Streaming,80,Vídeo,2,Vilões que Amamos Odiar,1,
ltr
item
Chovendo Sapos: 'Sergio' romantiza biografia do diplomata brasileiro morto em 2003
'Sergio' romantiza biografia do diplomata brasileiro morto em 2003
https://1.bp.blogspot.com/-DsjQIp-gpYk/XpzTVWLjceI/AAAAAAAAdqM/u0seQQ4l9Bk8hxREwTGanCuyfSPi6txLgCLcBGAsYHQ/s400/sergio.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-DsjQIp-gpYk/XpzTVWLjceI/AAAAAAAAdqM/u0seQQ4l9Bk8hxREwTGanCuyfSPi6txLgCLcBGAsYHQ/s72-c/sergio.jpg
Chovendo Sapos
http://www.chovendosapos.com.br/2020/04/sergio-romantiza-biografia-do-diplomata.html
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/2020/04/sergio-romantiza-biografia-do-diplomata.html
true
3477978344278040615
UTF-8
Posts carregados Nada encontrado! VEJA MAIS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTS Ver todos RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS POSTS Nada encontrado VOLTAR Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESSE CONTEÚDO É PREMIUM Por favor, compartilhe para liberar! Copie todo o código Selecione todo código Todos os códigos foram copiados Não foi possível copiar o código