As protagonistas de 'Mãe e muito mais' mereciam mais do que o próprio filme

 

Mãe e muito mais é um exemplar raro hoje em dia. Protagonizado por três atrizes na casa dos cinquenta anos, todas completamente desaproveitadas no cinema a despeito das suas carreiras na televisão e de já terem sido indicadas ou vencido o Oscar, o filme explora temas que raramente são a questão central de comédias: a amizade entre mulheres e a maternidade na maturidade. É uma pena que essa iniciativa nobre da diretora e roteirista Cindy Chupack resulte numa história tão desnorteada. 

No longa, Angela Bassett, Patricia Arquette e Felicity Huffman interpretam três mulheres que se tornaram amigas depois que seus filhos estabeleceram uma amizade na infância. Quando os três rapazes crescem, as três passam a se ressentir pela distância que eles fazem questão de manter e por não terem tanta dependência assim delas em comparação à época em que eram pequenos. Elas então decidem partir para Nova York, onde eles moram, e os procuram a fim de que eles notem a falta que fazem na vida delas. 


Bassett, Arquette e Huffman se tornam um trio tão poderoso em cena que podem até ser capazes de camuflar em alguns momentos os tropeços do longa com carisma. Se Mãe e muito mais detém algum resquício de dignidade é graças a suas três protagonistas que se divertem muito na tela em situações esdrúxulas e despojadas. 

O longa em si não rende muito. Chupack se perde em meio a suas diversas tramas (ela tem que se equilibrar entre a história das suas mulheres, dos seus filhos e a relação entre elas e eles) e acaba "presentando" o espectador com um filme que parece não esgotar os seus twists, ficando evidente em dado momento que a história apela para todas as direções e não tem muito foco. Fica evidente que suas protagonistas são maiores que a própria obra, ainda que a mesma funcione ocasionalmente como aquela "farofa" despretensiosa que a gente costuma adorar assistir.  


Otherhood, 2019. Dir.: Cindy Chupack. Roteiro: Cindy Chupack e Mark Andrus. Elenco: Angela Bassett, Patricia Arquette, Felicity Huffman, Jake Hoffman, Jake Lacy, Sinqua Walls, Frank De Julio, Heidi Gardner, Afton Williamson, Stephen Kunken. Disponível na Netflix, 100 min. 

Assista ao trailer:

COMENTÁRIOS

BLOGGER: 1
Loading...
Nome

Agenda,14,Checklist,11,Cinco Atos,2,Crítica,313,DVD & Blu-Ray,6,Editorial,2,Entrevista,2,Extras,9,Listão,22,Matéria Especial,26,Notícias,39,Prévia,77,Radar Crítico,20,Recomendações,2,Resenhas,6,Rewind,15,TV & Streaming,80,Vilões que Amamos Odiar,1,
ltr
item
Chovendo Sapos: As protagonistas de 'Mãe e muito mais' mereciam mais do que o próprio filme
As protagonistas de 'Mãe e muito mais' mereciam mais do que o próprio filme
https://1.bp.blogspot.com/-7par1a5GtiQ/XUD8R9J_zFI/AAAAAAAAcxc/No6kCDECyNAqi1hZW1_f7ncSfSU8nT4MgCLcBGAs/s400/otherhood.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-7par1a5GtiQ/XUD8R9J_zFI/AAAAAAAAcxc/No6kCDECyNAqi1hZW1_f7ncSfSU8nT4MgCLcBGAs/s72-c/otherhood.jpg
Chovendo Sapos
http://www.chovendosapos.com.br/2019/08/mae-e-muito-mais.html
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/2019/08/mae-e-muito-mais.html
true
3477978344278040615
UTF-8
Posts carregados Nada encontrado! VEJA MAIS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTS Ver todos RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS POSTS Nada encontrado VOLTAR Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESSE CONTEÚDO É PREMIUM Por favor, compartilhe para liberar! Copie todo o código Selecione todo código Todos os códigos foram copiados Não foi possível copiar o código