Com outro tom, 'Mamma Mia!: Lá Vamos Nós de Novo' resgata a diversão sem filtros


Em meio a toda essa onda de revivals que vem abarrotando os cinemas e chegando nas mesas dos grandes estúdios nos últimos anos, o musical Mamma Mia!: Lá Vamos Nós de Novo é o que os americanos chamariam de strange beast, porém aqui o termo pode ser utilizado com uma conotação positiva. Dez anos depois do hit de 2008 protagonizado por Meryl Streep, o filme chega aos cinemas com parte do seu elenco principal e novas caras para contar o romance de Donna com Sam, Bill e Harry, a chegada da personagem na Grécia e o momento em que ela dá a luz a Sophie, personagem de Amanda Seyfried. 

Intercalando momentos do passado de Donna com a reinauguração do hotel da personagem por Sophie, o filme olha com carinho para as memórias deixadas pelo longa original com seus números musicais non sense, sua estética brega, seu descompromisso com convenções cinematográficas muito marcadas e traz de volta algumas das suas canções mais reverenciadas em situações que claramente possuem como referência o filme de 2008. Apesar de todo esse olhar para trás, fica claro desde o primeiro instante que Mamma Mia!: Lá Vamos Nós de Novo é um filme completamente diferente do anterior no seu tom e até na abordagem dos seus personagens em alguns momentos, ainda que preserve nos números musicais a maneira como a diretora Phyllida Lloyd abraçava uma lógica de fazer os seus atores passarem uma certa "vergonha" sem o menor pudor, afinal esse era o barato de um musical que na ocasião do seu lançamento não foi muito bem captado por críticos. 

Números musicais à parte, existe algo na direção de Ol Parker em Mamma Mia!: Lá Vamos Nós de Novo que parece acionar uma outra chave de comunicação com o espectador no tom de despedida e na maneira doce como transforma sua narrativa numa história de gerações de mulheres. Quando não está nos números musicais, Parker investe numa outra direção para os seus atores, diminuindo uma excitação e um exagero que no filme de Lloyd pareciam ser contínuas, emulando reações cartunescas mesmo quando Donna e companhia não performavam alguma canção do Abba. Parker encontrou uma forma de preservar o espírito de celebrar a vida da maneira mais improvisada e sem filtros do filme de Lloyd, mas procurou levar a continuação para um outro lugar, recorrendo à fórmula da diretora anterior na execução dos números musicais, mas oferecendo um outro tipo de direção de atores nas cenas não performadas musicalmente que assumem em alguns momentos até mesmo uma dinâmica mais séria para os padrões Mamma Mia!


A maneira que o musical encontra de trazer a história da personagem de Meryl Streep de volta para o público é interessante, ainda que possa ser motivo de queixa dos fãs do musical. Esse gancho pro filme, que parece ter uma justificativa extra-filme (a agenda de Streep ou mesmo um desejo de não dedicar 100% do seu tempo a uma continuação) acaba fazendo com que Mamma Mia!: Lá Vamos Nós de Novo tenha plena consciência de que de fato não existe nenhum motivo que justifique a continuação para além da própria nostalgia que o material provoca, então, sua trama acaba girando em torno de memórias do passado dos personagens que se confundem com as próprias memórias afetivas do público com o longa de 2008. 

A continuação de Ol Parker sabe e celebra isso, seja na maneira como revive "Dancing Queen", um número que agora serve para comemorar o reencontro de todo o elenco, ou "Mamma Mia", que nos convoca para as apresentações de Meryl Streep, Christine Baranski e Julie Walters no primeiro longa a partir da jovem formação de Donna e as Dynamos num bar da Grécia. De uma maneira geral, o elenco da continuação se diverte como no primeiro filme e parece entusiasmado com a reunião. Além deles, novos integrantes como Cher, Andy Garcia e os jovens que interpretam as versões mais novas de Donna e companhia, com destaque para Lily James, a jovem Donna, também entram no espírito do musical.

Quando lançado, Mamma Mia! não foi imediatamente abraçado por críticos e pela dita "alta" cinefilia. Talvez fazendo um longa que apara suavemente as arestas daquilo que incomodou tanto esse grupo lá em 2008, com momentos marcados por uma inesperada sobriedade, Ol Parker também não deixa de contemplar os fãs do musical com muita extravagância e descontração em Mamma Mia!: Lá Vamos Nós de Novo. O filme é marcado pelo olhar carinhoso do diretor e do elenco para o passado e capta com precisão o senso de diversão que foi o tempero do musical de 2008. 


Mamma Mia!: Here we go Again, 2018. Dir.: Ol Parker. Roteiro: Ol Parker. Elenco: Amanda Seyfried, Lily James, Meryl Streep, Christine Baranski, Julie Walters, Pierce Brosnan, Colin Firth, Stellan Skarsgard, Andy Garcia, Cher, Jeremy Irvine, Hugh Skinner, Josh Dylan, Alexa Davies, Jessica Keenan Wynn. Universal, 114 min. 

Assista ao trailer:


COMENTÁRIOS

Nome

Agenda,14,Checklist,11,Cinco Atos,1,Crítica,182,DVD & Blu-Ray,6,Editorial,2,Entrevista,2,Extras,9,Listão,18,Matéria Especial,20,Notícias,33,Prévia,77,Radar Crítico,20,Rewind,11,TV & Streaming,45,Vilões que Amamos Odiar,1,
ltr
item
Chovendo Sapos: Com outro tom, 'Mamma Mia!: Lá Vamos Nós de Novo' resgata a diversão sem filtros
Com outro tom, 'Mamma Mia!: Lá Vamos Nós de Novo' resgata a diversão sem filtros
https://4.bp.blogspot.com/-5Tj0iVozie8/W1XCrZFPyBI/AAAAAAAAaOo/GgEnXd6BTCES128-4Ed_quVr9-c881sVwCLcBGAs/s400/Mamma%2BMia%2BL%25C3%25A1%2BVamos%2BN%25C3%25B3s%2BDe%2BNovo.jpg
https://4.bp.blogspot.com/-5Tj0iVozie8/W1XCrZFPyBI/AAAAAAAAaOo/GgEnXd6BTCES128-4Ed_quVr9-c881sVwCLcBGAs/s72-c/Mamma%2BMia%2BL%25C3%25A1%2BVamos%2BN%25C3%25B3s%2BDe%2BNovo.jpg
Chovendo Sapos
http://www.chovendosapos.com.br/2018/07/mamma-mia-la-vamos-nos-de-novo.html
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/2018/07/mamma-mia-la-vamos-nos-de-novo.html
true
3477978344278040615
UTF-8
Posts carregados Nada encontrado! VEJA MAIS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTS Ver todos RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS POSTS Nada encontrado VOLTAR Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESSE CONTEÚDO É PREMIUM Por favor, compartilhe para liberar! Copie todo o código Selecione todo código Todos os códigos foram copiados Não foi possível copiar o código