Festival Varilux 2018: Eventos históricos se impõem no drama 'Nos Vemos no Paraíso'


É muito comum vermos filmes que fazem um panorama de eventos históricos carregando bastante interesse do público. Por vezes, são títulos valorizados única e exclusivamente pela revisão ou apresentação dos fatos, mais até do que pela condução da narrativa ficcional que apresentam, como se o "baseado em fatos reais" bastasse para engrandecer a obra e a maneira como ela costura sua trama fosse acessório. Não que Nos Vemos no Paraíso seja marcado pela carência de um desenvolvimento narrativo, o problema aqui é que a trama do filme que inicia com elementos interessantes acaba ficando menor diante do que se apresenta como pano de fundo da sua história. Não que isso seja um empecilho para a apreciação do filme, que tem bons momentos, inclusive, mas é importante frisar que aqui há sim um desnivelamento no tratamento dessas duas frentes que poderiam perfeitamente andar em harmonia. 

No longa, um abastado artista convocado para o serviço militar durante a Primeira Guerra Mundial acaba se ferindo gravemente no front, perdendo a mandíbula e sobrevivendo graças à dolorosa alimentação por uma espécie de sonda, sofrimento atenuado pela morfina da qual acaba dependente. Com sintomas severos de depressão, ele pede a um colega de combate que minta para sua família e os comunique da sua morte. Vivendo precariamente com o novo amigo, o rapaz inventa uma forma de sobreviver no pós-guerra, vender memoriais falsos no mercado de preservação da memória que acaba sendo criado na Europa daquela época. 


De imediato, Nos Vemos no Paraíso chama a atenção pelo drama familiar envolvendo o jovem artista desfigurado interpretado por Nahuel Pérez Biscayart e o seu pai vivido pelo excepcional Niels Arestrup, ótimo numa cena chave ao final do longa. Acontece que o filme acaba chamando muito mais atenção pelos fatos que apresenta sobre o comércio ilegal e anárquico da venda de monumentos em homenagem aos combatentes da guerra, os imbróglios dos túmulos dos soldados e as relações atravessadas entre a população e o governo francês depois do conflito. Com isso, apesar de ser integrante de todo esse contexto, o drama familiar se dilui e alguns personagens fundamentais parecem vagar pela história sem muita utilidade no final das contas. Muitos desses personagens acabam servindo apenas de ponte para alguns acontecimentos, como é o caso do amigo do personagem de Biscayart vivido pelo também diretor e roteirista do filme Albert Dupontel. 

Não que a trama seja marcada por um tratamento descuidado, tudo o que sucede com seus personagens é coerente, sem lacunas e linear, porém levemente superficial quando prometia maior desenvolvimento. Todo o interesse nas figuras que permeia esta história se apaga com o volume de informações históricas presentes na obra. Assim, como panorama histórico dos seus acontecimentos, Nos Vemos no Paraíso tem muitos ganhos, mas como drama familiar poderia ter ido um pouco a fundo nas emoções complexas que sugere em seus personagens. 


Au revoir là-haut, 2017. Dir.: Albert Dupontel. Roteiro: Albert Dupontel. Elenco: Albert Dupontel, Nahuel Pérez Biscayart, Niels Arestrup, Lauren Lafitte, Émilie Dequenne, Mélanie Thierry, Héloise Balster. Pandora, 117 min. 

Veja o trailer:


COMENTÁRIOS

Nome

Agenda,14,Checklist,9,Cinco Atos,1,Crítica,150,DVD & Blu-Ray,6,Editorial,2,Entrevista,2,Extras,9,Listão,18,Matéria Especial,15,Notícias,20,Prévia,76,Radar Crítico,20,Rewind,4,TV & Streaming,33,Vilões que Amamos Odiar,1,
ltr
item
Chovendo Sapos: Festival Varilux 2018: Eventos históricos se impõem no drama 'Nos Vemos no Paraíso'
Festival Varilux 2018: Eventos históricos se impõem no drama 'Nos Vemos no Paraíso'
https://4.bp.blogspot.com/-EqAGAisXC1Y/WxUaVwoJCwI/AAAAAAAAZ8E/CzPfE9J3DZYwcdLGtIOPewO4eGYHUaeJgCLcBGAs/s400/Nos%2BVemos%2Bno%2BParaiso.jpg
https://4.bp.blogspot.com/-EqAGAisXC1Y/WxUaVwoJCwI/AAAAAAAAZ8E/CzPfE9J3DZYwcdLGtIOPewO4eGYHUaeJgCLcBGAs/s72-c/Nos%2BVemos%2Bno%2BParaiso.jpg
Chovendo Sapos
http://www.chovendosapos.com.br/2018/06/nos-vemos-no-paraiso.html
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/2018/06/nos-vemos-no-paraiso.html
true
3477978344278040615
UTF-8
Posts carregados Nada encontrado! VEJA MAIS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTS Ver todos RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS POSTS Nada encontrado VOLTAR Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESSE CONTEÚDO É PREMIUM Por favor, compartilhe para liberar! Copie todo o código Selecione todo código Todos os códigos foram copiados Não foi possível copiar o código