'Rodin' é um relato 'em cima do muro' sobre a vida do escultor francês


O escultor Auguste Rodin é daqueles artistas controversos que até hoje rende biografias com diferentes perspectivas sobre sua vida e arte. Se por um lado, deixou um legado artístico que sobreviveu por anos (com algumas polêmicas de plágio no meio, é verdade), por outro, teve uma vida pessoal marcada por relacionamentos conturbados por condutas nada positivas do escultor. Rodin, filme de Jacques Doillon, é mais um desses relatos

Auguste Rodin era conhecido por se relacionar com as jovens que serviam de modelo para suas esculturas e também com as alunas do seu ateliê, a mais famosa delas, Camille Claudel, entrou em profundo desgosto após ver o valor da sua obra (tão ou mais relevante que a de Rodin) ser negado pela sociedade machista do seu tempo. Rodin explora todos esses meandros da vida do seu biografado, porém, sofre pela estranha frieza com que Doillon se apropria dessa história. 

Entre a defesa fervorosa pelo artista Auguste Rodin, arcando com as consequências de aderir a um discurso sobre a arte e o fazer artístico questionável por ser sexista, e um olhar mais clínico a respeito da conduta do seu biografado no cruzamento entre sua vida pessoal e seu ofício, Jacques Doillon opta por situar-se num meio do caminho que em nada favorece sua obra. Pelo contrário, demonstra uma certa covardia no enfrentamento dos fatos. Narrativa e esteticamente frio, Rodin é uma biografia cansativa e burocrática que parece temer abraçar um posicionamento a respeito do seu protagonista, ainda que Doillon pareça sutilmente ter algum ponto de vista a oferecer. 

Como resultado, Rodin acaba sendo um daqueles filmes s que se distanciam tanto do seu biografado a ponto de fazer com que o público não consiga ter acesso à sua personalidade e entender o propósito de seu relato. Nem mesmo a interpretação de Vincent Lindon é capaz de fazer algo pelo filme, já que o ator parece tão distante do artista quanto seu diretor. É estranho acompanhar um longa que flerta o tempo inteiro com a intimidade de um personagem e sairmos da sessão sem uma mínima dimensão de quem ele é e do que seus envolvidos pensam a seu respeito.

Rodin, 2017. Dir.: Jacques Doillon. Roteiro: Jacques Doillon. Elenco: Vincent Lindon, Izïa Higelin, Séverine Caneele, Bernard Verley, Anders Danielsen Lie, Arthur Nauzyciel, Laurent Poitreneaux, Olivier Cadiot, Alexandre Haulet. Mares Filmes, 119 min.

Assista ao trailer do filme:

COMENTÁRIOS

Nome

Agenda,6,Checklist,5,Cinco Atos,1,Crítica,76,DVD & Blu-Ray,5,Editorial,2,Entrevista,1,Extras,3,Listão,13,Matéria Especial,4,Prévia,25,Radar Crítico,13,Rewind,3,TV & Streaming,12,Vilões que Amamos Odiar,1,
ltr
item
Chovendo Sapos: 'Rodin' é um relato 'em cima do muro' sobre a vida do escultor francês
'Rodin' é um relato 'em cima do muro' sobre a vida do escultor francês
https://3.bp.blogspot.com/-HrKaOq6SbTU/WUHOz1DspeI/AAAAAAAAWx4/LJFoswHl4qU0l9OmTP7M-Efg0U2h6E1qwCLcBGAs/s400/rodin-still-1000x600.jpg
https://3.bp.blogspot.com/-HrKaOq6SbTU/WUHOz1DspeI/AAAAAAAAWx4/LJFoswHl4qU0l9OmTP7M-Efg0U2h6E1qwCLcBGAs/s72-c/rodin-still-1000x600.jpg
Chovendo Sapos
http://www.chovendosapos.com.br/2017/06/critica-rodin-e-um-relato-em-cima-do.html
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/
http://www.chovendosapos.com.br/2017/06/critica-rodin-e-um-relato-em-cima-do.html
true
3477978344278040615
UTF-8
Posts carregados Nada encontrado! VEJA MAIS Leia mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTS Ver todos RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO PESQUISAR TODOS OS POSTS Nada encontrado VOLTAR Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESSE CONTEÚDO É PREMIUM Por favor, compartilhe para liberar! Copie todo o código Selecione todo código Todos os códigos foram copiados Não foi possível copiar o código